Título entregue a Lula por universitários tem erros de português

O título de doutor honoris causa que a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) pretendia conceder ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi cancelado pela Justiça Federal na semana passada, mas o petista não saiu de mãos abanando de Cruz das Almas (BA), cidade onde fica o câmpus da UFRB e um dos pontos de parada da caravana dele pelo Nordeste.

Seis alunos da universidade, criada por Lula em 2006, elaboraram e assinaram um diploma do gênero e o entregaram ao ex-presidente na sexta-feira passada – só não dedicaram muita atenção à língua portuguesa. Há dois erros nas breves linhas ali escritas.

“A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, [sic] concede ao maior presidente da República Federativa do Brasil, senhor Luiz Inácio Lula da Silva, o torneiro mecânico, o título de doutor honoris causa”, diz o documento, que, além de separar com vírgula sujeito e predicado, é assinado por “dicentes” da UFRB – e não “discentes”.

Impedida pelo juiz federal Evandro Reis, da 10ª Vara Federal Cível da Bahia, de entregar o título a Lula, a universidade afirma que a honraria exibida pelo petista na imagem acima não é oficial. Caso fosse, explica a UFRB, o documento estaria assinado pelo reitor da instituição, Silvio Soglia. Menos mau, mas, de todo modo, fica claro que os jovens signatários do diploma precisam, com urgência, estudar mais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *